BLOG

Controle de maneira eficiente as operações comerciais de sua empresa definindo metas de vendas, comissões, inventários, demandas de compra, financeiro e muito mais.

Você sabe como fazer análise da sua concorrência?

O quanto você sabe sobre o seu negócio? Se você empreende, certamente domina todos os processos e, por isso, guarda muitas informações precisas a respeito do seu negócio. Porém, ao inverter a pergunta e questionar: o quanto você sabe a respeito dos seus concorrentes? A resposta é tão otimista quanto antes? Se não, é hora de repensar a sua estratégia de estudo dos concorrentes, pois isso poderá fazer você acelerar ainda mais as suas vendas.

Os motivos pelos quais os pequenos empreendedores devem analisar constantemente a sua concorrência são vários, vão desde usar essas informações como base para campanhas, até saber se posicionar de maneira correta no mercado.

A verdade é que uma empresa necessita saber o que está acontecendo ao seu redor para tomar atitudes saudáveis no seu dia a dia. Principalmente se ela for uma empresa do varejo.

Se você ainda não realiza este estudo, juntamos aqui algumas informações que irão ajudá-lo a dar um ponta-pé inicial neste processo de estudo. Confira:

 

1) DESCUBRA QUEM SÃO OS SEUS CONCORRENTES DIRETOS E INDIRETOS

Para descobrir quem são os seus concorrentes diretos, basta levantar quais empresas comercializam os mesmos produtos que você na sua rua, bairro, cidade, ou estado, por exemplo. Agora, se o seu negócio for vendas de equipamentos de informática única e exclusivamente em ambiente digital, os concorrentes serão as principais lojas on-line que roubam a sua audiência. Estes são as empresas que concorrem diretamente com o seu negócio.

Já os concorrentes indiretos são empresas, que, no exemplo da loja de informática on-line, também realizam vendas pela internet de equipamentos tecnológicos, mas que não os tem como seus únicos produtos.

 

2) JUNTE INFORMAÇÕES SOBRE A CONCORRÊNCIA

Agora que você já sabe quem são as empresas que disputam a atenção do seu público, é hora de juntar o máximo de informações sobre elas. Uma forma de iniciar este compilado de dados é através de folders, flyers, relatórios anuais, propagandas em TV, rádios, jornais, revistas, além de informações disponíveis em ambiente digital, como websites e redes sociais.

Quanto mais você souber sobre a concorrência, melhor será a definição das vantagens competitivas em relação a ela, a definição do seu posicionamento, etc.

 

3) FAÇA UMA ANÁLISE SWOT MINUCIOSA

Você já ouviu falar na análise SWOT? Trata-se de uma técnica que ajuda a definir seus pontos fortes, fracos, além das oportunidades e ameaças que o seu mercado oferece. É essencial realizar esta análise de forma sincera e imparcial, por exemplo: caso o seu produto não seja o mais barato dentre os seus concorrentes, talvez valha a pena realizar abordagens comerciais com base na durabilidade do seu produtos, na qualidade da matéria prima ou com foco em outros diferenciais que tornam o custo benefício viável a longo prazo.

Por este motivo, essa fase da análise irá influenciar diretamente a próxima etapa da análise da sua concorrência: o posicionamento.

 

4) DEFINA QUEM VOCÊ É QUEM VOCÊ QUER SER: TENHA POSICIONAMENTO

Com dados em mãos, é hora de definir o seu posicionamento, isso é, compreender como você quer ser visto pelos seus clientes e quais serão as ações que podem ser tomadas para que isso possa se realizar.

No exemplo utilizado acima, o posicionamento de uma empresa que apresenta produtos mais caros que o da concorrência não pode ser pautado em preço, mas em qualidade. Um posicionamento que só pode ser concluído caso o empreendedor tenha todos os dados em mãos para análise e tomada de decisão.

Finalmente, com tudo em mão, ficará mais fácil para o gestor guiar o rumo da sua empresa para os próximos meses ou anos. Porém, lembre-se de que o estudo dos concorrentes é essencial e necessita ser realizado de tempos em tempos. Afinal, o mercado está em constante transformação e ações rápidas são necessários o tempo todo.

Para mais dicas como esta, acompanhe o nosso blog. Vamos acelerar ainda mais o seu negócio!

Compartilhe:

Comente:

Voltar
Não perca tempo e
oportunidades para sua empresa